COVID-19: BANCO DA AMAZÔNIA LANÇA LINHA DO FNO EMERGENCIAL PARA EMPREENDEDORES

April 15, 2020

 

No momento de desafios que a economia do país está passando em função da crise provocada pelo novo coronavírus, empresários e empreendedores buscam forma de manter seus negócios para garantia de renda e sobrevivência. Para atender este público na Região Norte, o Banco da Amazônia (Basa) lança linha de crédito especial do Fundo Constitucional de Financiamento do Norte (FNO), com juros de 0,21% ao mês e condições diferenciadas.

Trata-se do FNO Emergencial que ainda vai permitir a renegociação de operações de crédito já realizadas com recursos do Fundo. A nova linha entrou em vigor na segunda-feira (06/03), a partir da publicação da Resolução do Banco Central 4.798.

De acordo com esta resolução, a linha vai promover a recuperação ou a preservação das atividades produtivas dos beneficiários da Região Norte, cujos estados encontram-se em situação de calamidade, decorrente da emergência de saúde pública de importância internacional relacionada ao Covid-19.

O presidente do Basa, Valdecir Tose, explica que a taxa praticada pelo FNO Emergencial está abaixo da inflação, que está em torno de 3% ao ano. “No mercado atual, somente os bancos públicos oferecem uma taxa como essa. O interessado terá como vantagem ainda a carência máxima até 31 de dezembro de 2020, ou seja, vai começar a pagar somente em 2021 e vai poder pegar um financiamento com uma taxa de 0,21% ao mês”, comentou.

O FNO Emergencial vai beneficiar pessoas físicas e jurídicas, incluindo cooperativas que, de acordo com as prioridades estabelecidas nos planos regionais de desenvolvimento, promovam atividades produtivas não rurais, especialmente aquelas vinculadas aos setores de empreendimentos comerciais e de serviços da Região Norte. Tem como finalidades capital de giro isolado e investimentos, inclusive capital de giro associado.

Para quem deseja capital de giro isolado, o limite é de até R$ 100 mil por beneficiário. Para quem quer investimento, inclusive capital de giro associado ao investimento, o limite é de até R$ 200 mil por beneficiário.

As garantias são de livre convenção entre o financiado e o financiador. O prazo de contratação é enquanto perdurar o estado de calamidade pública reconhecido por ato do Poder Executivo. Os interessados devem procurar as agências do BASA e falar com o gerente da unidade.

No mês passado, o Banco da Amazônia já havia divulgado as primeiras medidas adotadas para minimizar os impactos econômicos causados pelas pandemia.

Fonte: Ascom/Banco da Amazônia

Please reload

Featured Posts

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Recent Posts
Please reload

Archive
Please reload

Search By Tags

I'm busy working on my blog posts. Watch this space!

Please reload

Follow Us
  • Facebook Basic Square
  • Twitter Basic Square
  • Google+ Basic Square
  • Facebook Clean
  • LinkedIn Clean